SOLICITE UM ORÇAMENTO
(49) 2049-0200
(49)9 9916-9619
Entre em contato conosco VIA WHATSAPP
49 9 9916-9619
Postado em 30 de Janeiro de 2020 às 10h00

Vai viajar com cão e gato?

As três maiores companhias aéreas brasileiras transportaram juntas cerca de 800 mil cães e gatos em 2019. Só a Latam leva uma média de 700 pets por mês. Em dezembro, na alta temporada, somente a Gol voou com 10 mil animais – um crescimento de 38% em comparação com 2018.

Os valores variam de R$ 200 a R$ 900, dependendo da empresa e do porte do animal. 

Pets na cabine

Gol

  • Cães e gatos devem pesar até 10 kg (contando com a caixa de transporte) e ter no mínimo 4 meses de vida.
  • O custo é de R$ 250 por trecho e por animal para voos domésticos e R$ 600 por trecho e por animal para voos internacionais.
  • É preciso apresentar comprovação de vacinação antirrábica com o nome do laboratório produtor, o tipo da vacina e o número da ampola utilizada. A vacina deve ter sido aplicada há mais de 30 dias e menos de 1 ano da data de embarque. Também deve ser apresentado atestado sanitário do animal, com validade de 10 dias após a data de emissão.

Latam

  • Cães e gatos devem pesar até 7 kg.
  • O custo é de R$ 200 por trecho e por animal para voos domésticos. Os valores variam dependendo do destino internacional.
  • É preciso apresentar um atestado de vacinação antirrábica, recomendada para filhotes com mais de 90 dias de vida. Após a aplicação da 1ª dose, deve-se aguardar 30 dias para o embarque. Há documentações específicas para viagens internacionais.

Azul

  • Cães e gatos devem pesar até 5 kg.
  • O custo é de R$ 250 por trecho e por animal para voos domésticos. E de cem dólares para compras realizadas no exterior.
  • É preciso apresentar comprovante da vacinação antirrábica, com o nome do laboratório produtor, o tipo da vacina e o número da partida/ampola utilizada. A vacina precisa ter sido aplicada há mais de 30 dias e há menos de um ano do embarque. Também deve ser apresentado o atestado de saúde do animal, emitido por médico veterinário, com validade de 10 dias da data de emissão.

Pets no compartimento de cargas

Gol

  • Cães devem pesam entre 10 kg e 30 kg. Não é permitido o transporte de animais que, com a caixa de transporte, pesem mais de 30 kg "por questões de segurança para o próprio bicho".
  • É preciso apresentar comprovação de vacinação antirrábica com o nome do laboratório produtor, o tipo da vacina e o número da ampola utilizada. A vacina deve ter sido aplicada há mais de 30 dias e menos de 1 ano da data de embarque. Também deve ser apresentado atestado sanitário do animal, com validade de 10 dias após a data de emissão.
  • O custo é de R$ 650 por trecho e por animal em voos nacionais e R$ 800 por trecho e animal em voos internacionais.
  • Não são permitidos cães e gatos de focinho curto, por conta das características de seu sistema respiratório. É preciso checar a listagem de raças com a companhia.

Latam

  • Cães precisam pesar entre 7 kg e 45 kg.
  • Não são permitidos cães e gatos de focinho curto, por conta das características de seu sistema respiratório. É preciso checar a listagem de raças com a companhia.
  • É preciso apresentar um atestado de vacinação antirrábica, recomendada para filhotes com mais de 90 dias de vida. Após a aplicação da 1ª dose, deve aguardar 30 dias para o embarque. Também deve ser apresentado atestado sanitário do animal. Há documentações específicas para viagens internacionais.
  • O custo é de R$ 900 por trecho e por animal em voos nacionais. Os valores variam dependendo do destino internacional.

Azul

  • Não transporta animais no compartimento de cargas.

Cães-guias e de acompanhamento emocional

Gol

  • Cães-guias e cães-ouvintes são aceitos em todos os voos, desde que estejam acompanhando pessoas com deficiência. Já os cães de acompanhamento emocional são aceitos apenas para os voos com origem ou destino aos EUA e Cancun. "No Brasil não há legislação para o transporte de animais de apoio emocional, por esta razão ainda não presta este tipo de serviço".

Latam

  • Cães-guias podem viajar dentro do Brasil, desde que seja apresentada carteira de vacinação contra raiva e use coleira. Há documentações específicas para viagens internacionais. Já cães de suporte emocional só podem voar para os Estados Unidos, México e Colômbia – pode conta da legislação.


Azul

  • Cães-guias devem estar equipados com coleira. É preciso apresentar a carteira de vacinação atualizada com comprovação da vacinação múltipla e antirrábica assinado pelo médico veterinário – a vacina é obrigatória para animais a partir de 3 meses de idade e deve ter sido aplicada há mais de 30 dias e menos de 1 ano.
  • Cães de apoio emocional podem viajar para os Estados Unidos. É preciso apresentar carteira de vacinação, incluindo a vacina antirrábica com nome do laboratório produtor, o tipo de vacina e o número da ampola. A vacina deve ter sido aplicada a mais de 30 dias e menos de 1 ano. É também preciso apresentar Certificado Veterinário Internacional (CVI) válido por 60 dias a partir da data de emissão e o preenchimento da declaração de animal de suporte emocional. Também deve-se apresentar autorização médica.

Fonte: https://glo.bo/2vskv1D

Quer receber nossas ofertas e novidades? Cadastre-se!

Nome
E-mail
Telefone
Preferência de Contato
Mensagem
Resolva :

Veja também

Para onde viajar com segurança na quarentena?21/08/20Dicas de destinos brasileiros que reabriram ao público na quarentena Se você já está com saudades de viajar, depois de meses em casa, temos uma boa notícia para você! Aos poucos, o turismo nacional está reagindo em alguns lugares. O turismo no mundo todo passou por um momento complicado e delicado, em 2020, devido a pandemia. No Brasil, o segundo trimestre do ano apresentou, até mesmo, queda de 50,5% no faturamento de junho, em......
Cruzeiro Oriente Médio20/05/19Família Dalla Rosa no Oriente Médio No início deste ano, a família Dalla Rosa, Lino com a esposa Nice, os filhos Daniela, Vanessa e Geronimo, e as amigas Bruna Paris, Soeli Paris e Joseana Foresti embarcaram nessa aventura a bordo do navio MSC Splendida. Foram sete dias......
Brasil tem diferentes destinos para as férias01/10/18Explore o Brasil nas férias O período de férias escolares favorece o turismo interno e o Brasil tem destinos para agradar crianças e adultos. São regiões de praias, cachoeiras, ilhas... muito a ser explorado. Veja abaixo algumas opções de......

Voltar para BLOG